Taxa de Expediente não será mais cobrada

Ontem a tarde, o vereador Coronel Claret alertou assessoria jurídica do executivo municipal, sobre um um erro técnico na cobrança da Taxa de Expediente do Imposto Predial Territorial Urbano (IPTU). A taxa de R$ 5,82 estava sendo cobrada na parcela única e em caso de parcelamento a mesma seria cobrada em cada parcela. Um cidadão que pagasse o IPTU em 10 vezes pagaria R$ 58,20 de taxa, enquanto que um cidadão que pagasse a parcela única pagaria R$ 5,82.

Coronel pediu o cancelamento da Taxa de Expediente do IPTU e foi atendido pelo prefeito.

Coronel pediu o cancelamento da Taxa de Expediente do IPTU e foi atendido pelo prefeito.

A equipe da prefeitura agiu rápido e em reunião com sua assessoria na noite de ontem, o prefeito municipal concluiu pela existência de um erro técnico e determinou o cancelamento da taxa. Os bancos já estão sendo informados da mudança e orientados a não mais cobrar a referida taxa. As pessoasque já pagaram, poderão optar por um abatimento do IPTU no próximo ano ou procurar a prefeitura munido dos recebidos e solicitar o reembolso. Um decreto regulamentando o cancelamento da taxa será publicado ainda hoje no Diário Oficial.

 

Você pode gostar...

  1. Maria I. A. Curi disse:

    Planejar com mais eficiência a entrega dos carnês do IPTU.

    • admin disse:

      Com certeza Maria, isso é de suma importância. Temos um problema grave de Correios em nossa cidade. Hoje a empresa conta com apenas 25 carteiros para cidade inteira. Tem que se pensar nisso da próxima vez.

  2. ADAIR APARECIDO TEODORO disse:

    OBRIGADO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *