Feira do mercado continuará nas sextas-feiras e sábado

Pelos amenos até formação da Associação de Feirantes, eleição da diretoria e votação pelos associados o dia da feira no Mercado Muncipal, permanecerá como está hoje.

Realizou-se na noite de quinta-feira, dia 22, no Plenário da Câmara Municipal de Lavras, uma Audiência Pública presidida pelo vereador Coronel Claret, com participação dos vereadores João Paulo e Cristiane Costa, além de representantes do executivo e da Associação de Feirantes, para discutir propostas de mudanças no funcionamento da feira de hortifrutigranjeiros do Mercado Municipal de Lavras.
Mais de 50 feirantes compareceram a audiência pública promovida pelo vereador Coronel Claret

Mais de 50 feirantes compareceram a audiência pública promovida pelo vereador Coronel Claret

 
O evento foi iniciativa do Coronel, após alguns órgãos de imprensa noticiarem o fim das feiras às sextas-feiras, permanecendo somente aos sábados. Feirantes contrário a mudança pediram ajuda ao vereador para manutenção da feira em dois dias.
 
Preocupado com os reflexos da mudança, durante o recesso do último fim de semana, o vereador foi a campo ouvir a opinião da comunidade, entrevistando frequentadores das feiras de Lavras e hoje realizou uma audiência pública para conhecer a opinião dos feirantes.
 
Coronel Claret apresentou os resultados de sua pesquisa, em que 84,9% dos entrevistados preferem a feira como é hoje, às sextas-feiras e aos sábados. A pesquisa também mostrou que 71% dos entrevistados gostariam de melhorias na segurança, outros 76% são favoráveis a criação de selos para identificação das barracas que vendem produtos cultivados em Lavras. Os frequentadores do mercado também são favoráveis a cobrança pela utilização do banheiro e 100% preferem os produtos produzidos em Lavras.
Mesa diretora dos trabalhos

Mesa diretora dos trabalhos

 
Breno Oliveira Rodrigues, Assessor da Secretaria de Assuntos Rurais, disse que nenhuma alteração será realizada pelo executivo sem ouvir a opinião dos feirantes. Mozar Scarassatti, presidente da Associação dos Feirantes informou sobre a existência de uma comissão criada para estudar a criação de Leis e decretos para regulamentar todos os tipos de feiras na cidade, da qual faz parte.
 
Vários problemas foram levantados pelos participantes da audiência, dentre eles a sujeira dos banheiros, a presença contínua de mendigos e usuários de drogas, falta de organização para início e término das feiras, questões de segurança e higiene.
 
Coronel Claret destacou a importância da criação e regulamentação de uma Associação para defender os interesses dos feirantes. A atual associação não está regularizada e não pode realizar nenhuma parceria que possa trazer melhorias ao espaço e para os feirantes.
 
Depois de muitas discussões e participação do público presente, o vereador propôs a realização de uma nova reunião, no próximo dia 12, para eleição de uma diretoria para a criação e formalização da Associação dos Feirantes de Lavras. Somente os feirantes devidamente cadastrados pela prefeitura poderão vota.
 
Após composição da diretoria, Coronel Claret pretende fazer uma votação entre os associados, sobre qual o melhor dia para funcionamento da feira. O Assessor da Secretaria de Assuntos Rurais se comprometeu a não realizar nenhuma mudança antes da votação.
 
“A criação da associação é o primeiro passo para a solução de diversos problemas levantados hoje nesta audiência pública”, afirmou o vereador. Os feirantes terão 3 semanas para se organizarem a apresentarem suas chapas para eleição do dia 12 de julho

Você pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *